sexta-feira, maio 25, 2007

Um Toque de escultor !









Cabelos da noite...



Um dia destes...
Roubo-te a noite
Troco-a por pétalas de flor
Deixo-te...
O rasto de saliva de rosa
Para que me desejes o sabor
E me trilhes a pele gulosa
Pintando as horas da tua cor.


Depois...
Devolvo-te a noite
Lá pela cintura da madrugada
De corpo inteiro
E flor desfolhada
(Em tuas mãos de escultor)
Mas...Antes que a próxima Lua
Se faça anunciada
Vou pedir-te
Que te esculpas em mim...Amor!


Su@vissima







2 comentários:

sono_vem disse...

quem espera que a vida
seja feita de ilusão
pode até ficar maluco
ou viver na solidão
é preciso ter cuidado
para mais tarde não sofrer
numa flor que tem espinhos
sempre nos podemos arranhar
é preciso saber viver...
no outro lado da rua
eu encontrei
a verdade, nua e crua
através do teu ser
quero agora viver
passam dias, horas, meses, anos
e sem querer
eu encontrei
o som da minha voz
vivo num mundo incerto
quero entrar
no imenso encanto aberto
do teu olhar
deixa-me recordar
deixa-me sonhar
pois sou um sonhador
e teus cabelos quero afagar...

beijos sonhados e lindos:))
bem hajas tu que mereces
tudo de bom

Barão da Tróia II disse...

Uma bonita declaração de amor, boa semana.