quinta-feira, novembro 16, 2006

Um Toque da pele !


No vazio de mim...

Hoje voltei...
A sentir um certo amargo
E nem à beira-mar, passeei!

Tenho a sensação de grão de areia
Que se escapa entre dois segundos
E a minha pele, ficou de nada cheia!


Faltas-me tu aqui...
O meu tudo!

Perdi-me entre o vazio e o cheio
Que não me dás!
Tentei sentir-te na brisa que saboreio
Invento o todo
Namorando a chuva... que fica pelo meio


Procuro em mim...
E encontro sinais da tua pele
Rosa perfumada e com espinhos
Que se alimenta de gotas de mel.

4 comentários:

Abssinto disse...

Se quiseres eu vou atrás dele e arrasto-o até aos teus calcanhares, queres?

José disse...

No vazio de mim encontro sempre uma flor de ti, sangra na tua ausencia, brota na tua presença.

Um beijo

José

Tuche disse...

Tu iluminas com a tua escrita :)

Beijo amiga linda

Pierrot disse...

Sinto alguma tristeza nas tuas palavras...
Escreves como nunca, mas com uma melancolia tão tipica dos escritores Romanticos.
No vazio, podes encontrar.
As vezes está mesmo ali...
Bjos daqui
Eugénio