terça-feira, março 14, 2006

O Toque de feitiço!





Canto da madrugada


Vi o Sol, ao entardecer
Aqui mesmo, junto ao mar
Na estrada do renascer,
Forrado de tons de fogo,
Por magia desaparecer.

E eu a querer lhe tocar...

De manto purpura se vestiu,
A terra, o céu...o olhar,
Procura ela o Sol que fugiu
Hoje mais que nunca (Lua)
de beleza (cheia) vestida.

Ela que adormece nua,
Descendo assim devagar
Me estende braços de ternura,
Abraçando o meu sorriso,
Em raios de enfeitiçar.

Diz-me Lua de amargura,
Porque te banhas de amor
E mergulhas desvairada,
Enfeitiçando o luar,
Num canto de madrugada.

E eu, viro loba a uivar!

Su@vissima

1 comentário:

Luarzinho disse...

Bonito!!
Este Canto, adorei.... sentir o feitiço da Lua, é inebriante, e sentir o fascínio, de quem vive (na pele da lua), ainda o é mais.
"E eu lobo a uivar-te, lua"